Vale Cultura Acabou? Vai Acabar?

O que é vale cultura?

O vale cultura é um incentivo do governo federal para empresas que pagarem R$ 50,00 mensais para seus funcionários para que eles gastem esse dinheiro com cultura, como livros, cinema, teatro, exposições etc.

A intenção do vale cultura é que o trabalhador venha a ter mais cultura, já que muitas vezes o valor do salário mensal se presta apenas a pagar contas e outras obrigações.

vale-cultura-acabou

Uma das dúvidas que mais têm gerado polêmica entre os trabalhadores e empresa é se o vale cultura acabou. Isso porque o governo federal anunciou que muitas empresas não teriam mais benefícios fiscais, já que o orçamento do ano terminou e, junto com ele, o vale cultura pode não compensar para muitas empresas.

O vale cultura vai acabar?

Segundo o site do Ministério da Cultura, o vale cultura não vai acabar. Isso porque o vale cultura foi criado por lei.

Na verdade, quem paga o vale cultura é a empresa. Aí, com isso, ela recebe incentivos fiscais do governo. Assim, a adesão ao vale cultura depende de empresa para empresa.

O que tem previsão para acabar é o incentivo fiscal das empresas que havia sido orçamentado para os anos de 2016, com fim em 2017. Esse incentivo era um desconto de 1% no valor do imposto de renda das pessoas jurídicas participantes.

Mesmo com essa interrupção, o trabalhador vai poder continuar usando o vale cultura, que é oferecido em forma de cartão de crédito.

Quem tem direito ao vale cultura?

O vale cultura não é direito. Ele depende do interesse das empresas em fornecerem o valor e do governo federal em credenciá-las.

O vale cultura não é considerado bolsa ou benefício do governo federal, aliás.

Onde usar o vale cultura?

O vale cultura é aceito por mais de 40 mil estabelecimentos do País. Mas atenção: o valor só pode ser gasto com cultura.

vale-cultura-vai-acabar

O vale cultura pode ser usado por servidores públicos ou aposentados?

Não há vedação do vale cultura para servidores, mas em relação aos aposentados não há qualquer previsão, já que esse tipo de valor é pago aos trabalhadores que estão na ativa.

Estudantes têm direito ao vale cultura?

A não ser que o estudante seja trabalhador, ele não tem direito ao vale cultura.

Tirou todas as suas dúvidas a respeito do vale cultura? Se restou alguma dúvida, pode ter certeza de que o vale cultura só pode acabar se vier outra lei o revogando. Desse modo, caso você tenha interesse no vale cultura, deve verificar junto à sua empresa se ela continuará cadastrada junto ao Ministério da Cultura e se receberá incentivos fiscais.

Em vista das mudanças políticas no governo, ainda não se sabe se os benefícios fiscais continuarão a existir, mesmo que haja a legislação que verse sobre o vale cultura. Desse modo, aguarde um pouco mais até o próximo ano para saber se você continuará recebendo o vale cultura do seu empregador.

Leia Mais

Vale Cultura Sodexo – Saldo, Consulta Extrato

Consultar Saldo do Cartão Vale Cultura Sodexo

A Sodexo é uma empresa que fornece diversos tipos de cartões para os funcionários de empresas, participando dos benefícios que as empresas concedem, como o vale alimentação, o vale transporte, o vale refeição e o vale cultura, além de outros de campanhas de incentivo, como cartões presente e de premiação, gestão de despesas e bem estar, veja maiores informações para consultar o extrato do Vale Cultura Sodexo online.

cartao-vale-cultura-sodexo

Especificamente no caso do vale cultura, a Sodexo possui o Cultura Pass, que permite o acesso a espetáculo, serviços culturais e compra de materiais educativos, um benefício que a empresa pode conceder aos empregados, estimulando a criatividade e promovendo momentos de diversão. A ideia de um benefício nesse sentido é para que a empresa aumente o bem estar de seus empregados, ampliando o desenvolvimento pessoal e profissional de cada um e dos integrantes de sua família.

Os trabalhadores da empresa cadastrada e conveniada recebem um cartão magnético com o chip da Sodexo para utilizar o benefício do vale cultura. Todos os meses, o empregador libera um saldo no cartão, que o empregado pode usar, fazendo compras ou assistindo espetáculos, e também pode fazer a consulta do saldo existente.

Como fazer a consulta do saldo Sodexo no vale cultura

Para que todos possam manter o controle sobre o saldo do benefício do vale cultura, a Sodexo disponibiliza uma página na internet criada especificamente para consulta de saldos, independentemente do tipo de cartão fornecido pela empresa. Para fazer a consulta é muito simples:

O empregado que possui o cartão Sodexo Vale Cultura deve entrar no site da fornecedora de cartões, no endereço http://sodexosaldocartao.com.br. No link de Acesso ao Sistema, deve escolher qual dos cartões deseja consultar e verificar o saldo disponível.

A página vai solicitar o preenchimento dos campos Número do Cartão, que deve ser fornecido pelo possuidor do mesmo, além do seu CPF.

Em seguida, é só informar o código exigido na imagem gerada automaticamente pelo site e clicar em OK. Uma nova página será aberta, onde o possuidor do cartão será informado sobre o valor disponível, assim como de eventuais créditos agendados.

Na mesma tela, o dono do cartão Sodexo também poderá verificar o extrato dos últimos 3 meses de utilização do seu cartão de benefícios.

O portador do cartão Vale Cultura Sodexo pode fazer essa consulta quantas vezes quiser para organizar sua vida financeira e criar o seu planejamento.

Consulta do saldo Sodexo pelo celular

Para quem gosta de ter mais comodidade quando precisar consultar o saldo Sodexo, a empresa também criou e disponibilizou um aplicativo específico para smartphones. O aplicativo também possibilita a consulta da rede de estabelecimentos comerciais que aceitam o cartão de benefícios do portador.

Através do smartphone é possível acompanhar os gastos de todos os cartões, também independente do modelo. O aplicativo pode ser acessado na loja de apps do celular, digitando Sodexo Brasil no campo de busca, baixando e instalando a ferramenta, de forma totalmente gratuita.

Depois de instalado o aplicativo, é só informar o número do cartão e o CPF do seu portador para ter acesso ao saldo, extrato do cartão Vale Cultura Sodexo e rede de estabelecimentos.

Leia Mais

Vale Cultura Como Adquirir, 2 via, Emissão

Como Adquirir Cartão Vale Cultura

O Vale Cultura é um benefício criado pelo governo federal para dar oportunidade aos trabalhadores para ter acesso a espetáculos, cinema, exposições, shows, livros, instrumentos musicais, etc. O benefício é concedido somente a quem tem carteira assinada, isto é, com vínculo empregatício. Veja como você pode adquirir o seu cartão vale Cultura e usufruir desse direto maravilhoso.

cartao-vale-cultura-adquirir-emissao-2-via

O Vale Cultura é um benefício cumulativo, com R$ 50,00 mensais concedido pelo empregador para seus trabalhadores, e não tem prazo de validade, podendo ser usado para comprar produtos ou serviços culturais em qualquer lugar do Brasil.

Segundo o Ministério da Cultura, a criação do Vale Cultura foi feita para estimular a participação dos cidadãos em espetáculos e na compra de produtos culturais, tendo como objetivo melhorar o nível cultural das pessoas e fomentar a produção de cultura no país.

O foto o programa Vale Cultura são os trabalhadores que recebem até 5 salários mínimos mensais e que não têm tanta oportunidade de participar de espetáculos, estimulando assim o acesso aos cidadãos de baixa renda. As empresas empregadoras que fornecem o benefício são chamadas de empresas beneficiárias.

Onde usar o Vale Cultura?

O Vale Cultura pode ser utilizado em uma rede composta de mais de 40 mil empresas em qualquer parte do território nacional, inclusive em lojas virtuais. Apenas as empresas que comercializam produtos e serviços culturais podem se habilitar para o programa. Essas empresas são chamadas empresas recebedoras.

Para o trabalhador, o valor do Vale Cultura é creditado por meio de cartão magnético pré-pago, emitido por uma operadora de cartão. Vale lembrar que o Vale Cultura é um benefício trabalhista, da mesma maneira que o vale alimentação ou o vale transporte. Assim, são as empresas que arcam com o pagamento aos seus empregados, não se tratando de uma bolsa.

Para a empresa beneficiária, a vantagem de oferecer o Vale Cultura está em manter o bem estar de seus empregados, agregando também valor ao salário, sem incidência de encargos fiscais e trabalhistas. As empresas com tributação com base no Lucro Real podem deduzir até 1% do Imposto de Renda, quando concedem o Vale Cultura aos seus empregados.

A legislação não prevê qualquer impedimento com relação à participação de servidores públicos no Vale Cultura mas, para que tenham direito ao benefício deve haver a iniciativa do órgão público a que está vinculado para adoção do benefício.

No caso de aposentados e pensionistas, estes não entram no benefício, já que não possuem um empregador que possa concedê-lo, conforme estabelece o programa.

Para estudantes que estejam trabalhando, no entanto, o benefício pode ser concedido, desde que o empregador tenha aderido ao programa e houver interesse do empregado. A concessão do Vale Cultura, no entanto, se dá pela relação trabalhista e não pelo fato de o empregado ser estudante.

Para que o trabalhador tenha direito ao Vale Cultura, é importante que a empresa empregadora faça a sua adesão ao programa, através de credenciamento junto ao Ministério da Cultura.

Se você tem interesse no benefício, converse com o departamento de pessoal de sua empresa e faça a proposta. Trata-se de algo que pode ajudar em muito na compra de livros e outros objetos culturais. Acesse o site oficial para obter maiores informações de como fazer a emissão da 2 via do Cartão Vale Cultura.

Leia Mais

Cartão Vale Mais Cultura – Onde é aceito?

Vale Mais Cultura – Onde usar

Conhece o Vale Mais Cultura?  Um benefício criado pelo governo federal brasileiro através do Ministério da Cultura e que é oferecida aos trabalhadores por meio de um cartão pré-pago que é válido em todo o território federal, saiba a seguir onde é aceito o Cartão Vale Mais Cultura.

cartao-vale-mais-cultura-onde-aceita

Por meio do benefício Vale Mais Cultura este oferece créditos mensais que o seu usuário-beneficiário pode o usar este crédito para entradas em cinema, teatros espetáculos, shows, circo e até mesmo na compra de artigos culturais como livros, CDS, DVDS e revistas e jornais. O usuário-beneficiário pode ainda cumular seus créditos caso deseje compra algum item mais caro dentro os mencionados acima ou frequentar um evento cultural com entrada mais cara. Isso porque o valor do crédito mensal do Vale Mais Cultura é de R$ 50. O Vale Cultura pode ser usado inclusive para pagamento de cursos de arte, circo, fotografia, audiovisual, música, literatura ou teatro, pois na grande maioria desses locais o cartão Mais Cultura é aceito.

O benefício do Vale Mais Cultura é facultativo por parte da empresa empregadora por empresas com personalidade jurídica cujo trabalhador possua vínculo empregatício formal com seus funcionários, ou seja, que seja regido pelo menos pela Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) e que fizeram adesão ao Programa Cultura do Ministério da cultura (que não é obrigatório). As empresas que aderem ao programa têm em contrapartida isenção em encargos sociais e trabalhistas sobre o valor concedido e também permite que a empresa de lucro real abata o imposto de renda em até 1%.

O Vale Mais Cultura deve ser pago somente aos trabalhadores que além do vínculo empregatício e que tenha baixa renda, ou seja, receba até cinco salários mínimos, mas este benefício pode ser oferecido demais trabalhador, mas os de baixa rena são prioritários. No caso do trabalhador que receba até cinco salários mínimos o desconto na folha de pagamento do beneficio é opcional pela empresa empregadora, correspondendo ao no máximo 10% do valor do benefício, ou seja, até R$ 5, mas é proporcional também ao número de salários. Por exemplo, quem ganha entre um salário mínimo, o valor do desconto em folha é de R$ 1; quem ganha acima de um a 2 salários mínimos, o valor do desconto em folha é de R$2 e assim sucessivamente.

Desde março de 2014, uma ampla rede de livrarias passa a aceitar o cartão Vale Mais Cultura, sendo exemplos de estabelecimentos, no caso livrarias que aceitam estes benefícios estão a Livraria Cultura assim como a Saraiva, duas grandes empresas do ramo presente em muitos estados. Por isso, se você é trabalhador ou dono de empresa vale a pena conferir mais informações sobre o benefício em www.cultura.gov.br/valecultura e assim passar a aceitar o Vale mais Cultura.

Leia Mais

Cartão Vale Mais Cultura – Consulta, Saldo, Extrato

Consulta de Saldo Cartão Vale Mais Cultura

Você sabe o que é o cartão Vale Mais Cultura? A definição do Vale mais cultura que é um programa do governo federal através do Ministério da Cultura, junto com o ministério do trabalho que oferece um crédito aos trabalhadores para que estes gastem com cultura em geral, a seguir saiba como fazer a consulta de saldo do cartão vale mais cultura.

cartao-vale-mais-cultura-saldo-extrato-consulta

O benefício Vale Mais Cultura não é obrigatório para a empresa adotar, mas quando adotado, a empresa recebe benefícios do governo federal e oferece o mesmo para seus trabalhadores através de um cartão magnético pré-pago, pois a empresa fornece o crédito no mesmo e o trabalhador usa da forma que desejar. O valor do crédito ao trabalhador é de R$ 50 mensais e entre as possibilidades que o trabalhador pode usar este crédito são em shows, circo, museus, espetáculos, teatros, ou na compre de livros, CD’s, DVDs, revistas ou jornais e também ser usado para pagar mensalidades de cursos de artes, audiovisual, circo, fotografia, audiovisual, dança, literatura, música ou teatro. No caso de artigos, espetáculo ou produtos que o trabalhador deseja comprar e seja um valor elevado, este trabalhador pode acumular o benefício e usá-lo até adquirir o crédito desejado, pois este não tem validade de uso e nem uma regra de uso.

O benefício mais cultura é fornecido apenas aos trabalhadores com vínculo empregatício ou que sejam regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e que fizeram Adesão ao programa Mais cultura do Ministério da cultura. As empresas que adotam o Programa Cultura do Trabalhador junto ao Ministério da educação e, em contrapartida, o governo oferece a esta empresa isenção de encargos sociais e trabalhistas sobre o valor do benefício concedido e ainda permite que o lucro que a empresa alcançar abata a despesa com o imposto de renda de até 1% do imposto devido.

Este programa Mais Cultura somente é permitido aos trabalhadores de baixa renda, ou seja, aqueles que têm uma renda de até cinco salários mínimos. A estes trabalhadores o desconto da folha de pagamento é opcional a empresa empregadora e é de no máximo 10% do valor do benefício, ou seja, no máximo no valor de R$ 5. No caso, de quem ganha um salário mínimo, o valor a ser descontado na folha é de R$ 1. No caso de que recebe entre 1 a 2 salários mínimos, o valor a ser descontado era de R$ 2 e acima de 2 a 3 salários mínimos, o valor descontado era de R$3 e acima de 3 e até 4 salários mínimos o valor a ser descontado é de R$ 4; e acima de 4 salários mínimos, o valor a ser descontado é de R$ 5.

A empresa interessada precisa fazer um credenciamento pelo link http://vale.cultura.gov.br e, após o credenciamento, o trabalhador recebe um cartão Mais Cultura magnético onde é colocado seu crédito mensal, que já tem o cartão pode fazer a consulta de saldo e extrato do Cartão Vale Mais Cultura no próprio site acima.

Leia Mais

Bolsa Vale Cultura – Quem tem direito

Quem tem direito Ao Vale Cultura

Já ouviu falar do Bolsa Vale Cultura?  No último mês de dezembro de 2012 a presidente Dilma sancionou a lei que cria o Vale-Cultura que começa já entrar em vigor no segundo semestre de 2013. Confira quem tem direito ao vale cultura.
vale-cultura

O Bolsa Vale-Cultura é um benefício de R$ 50 que quem tem direito são os trabalhadores que ganhem até cinco salários mínimos e que foi anunciada pela então Ministra da Cultura, Marta Suplicy na ocasião do sanciona mento da lei.

Enquanto o presidente anterior criou o bolsa família (dando alimento para muitas famílias carentes), a Presidente Dilma oferece alimento para a alma. Por esta lei terá direito o Vale Cultura os trabalhadores mencionados acima e o benefício vai depender da adesão da empresa em que o trabalhador estiver associado. Vai funcionar como incentivo fiscal para estas empresas. Desta forma, o governo federal bancará os R$ 45 e o restante será pago pela empresa. Lembrando que a adesão ao beneficio não é obrigatória, mas o governo vai incentivar as empresas a fazerem isso.

O Vale Cultura, assim como o Bolsa Família será oferecido na forma de cartão magnético e é complementar em relação ao salário do trabalhador.  Este poderá ser gasto em: teatro, cinemas, livros e CD’s. No caso quem tem direito ao Vale Cultura é o trabalhador com carteira assinada que vai receber este cartão magnético para gastar com os itens mencionados e também com serviços cultura. Este incentivo vai melhorar o setor cultural elevando o consumo no setor até em R$ 7,2 bilhões por ano. O que será uma revolução para o mundo da cultura no país.

Sobre os recursos do Ministério da Cultura para este novo benefício estes serão repassados através do Fundo Nacional de Cultura que vão ser repassados por meio do Plano Cultural que vão para as cidades que aderirem ao plano. Estas cidades vão ter que criar conselhos locais de organização. Aguardem novidades.

Leia Mais

Vale Cultura – Valor, Pagamento, Cartão

Vale Cultura Pagamento

O Governo Federal vem investindo bastante na criação de novos benefícios que possam dar apoio e vantagens aos trabalhadores brasileiros. Um dos projetos mais recentes e que promete bastante sucesso gerando bastante renda para a economia brasileira e principalmente para os fundos culturais é o Vale Cultura. Confira como funciona o pagamento do Vale Cultura.

vale-cultura-pagamento

Saiba que o cartão do Vale Cultura além de oferecer chances de crescimento na área cultural, através da grande renda que será investida, o Vale Cultura ainda irá estimular o trabalhador brasileiro a conhecer um pouco mais de nossa cultura.

O Vale Cultura irá consistir em um cartão pré-pago, ou seja, um cartão que já dispõe de um valor fixo onde você poderá gastar todo este valor ao longo de cada mês. Além disso, um detalhe bem interessante é que você pode acumular o seu saldo para fazer uma compra de algo com um alto valor, por exemplo, assim os créditos não irão expirar e você poderá juntar os mesmos.

Para aqueles que estão interessados no benefício saiba que a atual Ministra da Cultura, Marta Suplicy, já está entrando em reunião com diversos empresários em todo o Brasil e a expectativa é de que o benefício já possa ser usado na metade de 2013.

Pagamento do Vale Cultura

Caso você esteja pretendendo usar este benefício saiba que o mesmo deverá ser oferecido diretamente pelas empresas aos seus funcionários. O valor do Vale Cultura é fixo para todos os trabalhadores do Brasil, R$ 50,00 que poderá ser gastado em qualquer atividade cultural. A cada mês esse valor é recarregado. Um detalhe bem interessante é que as empresas que oferecem o benefício terão desconto de 1% no imposto de renda. Quanto aos trabalhadores terão 10% do valor do benefício descontado sem eu salário, assim R$ 5,00. Lembrando que o Vale Cultura é oferecido a trabalhadores que ganham até 5 salário mínimos, os que ganham acima disso e que desejam fazer parte do benefício terão um desconto superior a 10% em seu salário.

Leia Mais